''O bem do povo''

23 de agosto de 2017

Sesc celebra o ritmo dos cocos com o projeto Sonora Brasil pelo interior de Pernambuco


FOTO: PABLO PINHEIRO

O Grupo Coco de Zambê, do Rio Grande do Norte, é a atração do
Sesc Ler Buíque nesta terça-feira (29/08)


As tradições culturais da pisada dos cocos é o tema do projeto nacional Sonora Brasil do Sesc que vem percorrendo as regiões Norte e Nordeste do país. O ritmo tão comum em muitas localidades, principalmente na zona rural, nas comunidades indígenas e quilombolas, está percorrendo o Estado. Nesta etapa do circuito, o Grupo Coco de Zambê, do Rio Grande do Norte, é a atração da iniciativa. Em Buíque, a apresentação acontece nesta terça-feira (29/08) no Sesc Ler, a partir das 20h. O acesso é gratuito ao público.

A música do Coco de Zambê se caracteriza por ser uma espécie de canto responsorial, ou seja, os versos são puxados pelo mestre e respondidos pelo coro de vozes. Dois tambores estão presentes na maioria dos grupos que praticam o Coco de Zambê: o próprio Zambê, também conhecido como pau furado ou oco de pau, que é maior e mais grave, e o Chama, ambos construídos artesanalmente com troncos de árvores nativas do Nordeste.

A dança se desenvolve numa roda que tem em seu centro os tocadores. Os brincantes se revezam com reverência ao tambor e realizam passos livres de grande energia que lembram movimentos da capoeira e do frevo. Curiosamente, uma das principais características do Coco de Zambê é o fato de ser praticado apenas por homens. O grupo potiguar é composto por Didi (Djalma Cosme da Silva), Uzinho (Severino de Barros), Tonho (Antonio Cosme de Barros), Mestre Mião (Damião Cosme de Barros), Zé Cosme (José Cosme Neto), Kéké (Clebesson da Silva), Pepé (Ederlan da Silva) e Beto (José Humberto Filho de Oliveira).

O Coco de Zambê é uma expressão cultural que, segundo pesquisadores, chegou aos engenhos de cana-de-açúcar e colônias pesqueiras do Nordeste pelos africanos escravizados. As primeiras apresentações do grupo datam do início do século XX.

Sonora Brasil– é um projeto temático que tem como objetivo levar ao público expressões musicais pouco difundidas que integram o amplo cenário da cultura musical brasileira.Busca despertar um olhar crítico sobre a produção e sobre os mecanismos de difusão da música no país, incentivando novas práticas e novos hábitos de apreciação musical, promovendo apresentações de caráter essencialmente acústico, que valorizam a autenticidade sonora das obras e de seus intérpretes.

Esta é a 20ª edição do projeto que apresenta os temas “Na pisada dos cocos” e “Bandas musicais”. O primeiro tema está circulando pelos estados das regiões Norte e Nordeste; o segundo segue pelos estados das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. No próximo ano, haverá uma inversão para que os grupos concluam o circuito nacional.

Por causa da sua missão de difundir o trabalho de artistas que se dedicam à construção de uma obra de fundamentação artística não comercial, o Sonora Brasil é considerado hoje o maior projeto de circulação musical do país. São realizados cerca de 450 concertos por ano, com apresentações em mais de 100 cidades, a maioria distante dos grandes centros urbanos. A ação possibilita às populações o contato com a qualidade e a diversidade da música brasileira e contribui para o conjunto de ações desenvolvidas pelo Sesc, visando a formação de plateia. Para os músicos, propicia uma experiência ímpar, colocando-os em condição privilegiada para a difusão de seus trabalhos e, consequentemente, estimulando suas carreiras.

Serviço

Sonora Brasil – Coco de Zambê de Tibau do Sul (RN)

Data: 29 de agosto de 2017
Local: Sesc Ler Buíque – Rua Projetada, s/n, Frei Damião
Horário: 20h
Entrada gratuita
Informações: (87) 3855-2230


Ypiranga convoca sócios patrimoniais e contribuintes para Assembleia Geral



No início da noite desta terça-feira (22), o presidente do Ypiranga de Santa Cruz do Capibaribe, David Helry, lançou o edital de convocação de todos os sócios patrimoniais e contribuintes.

A convocação é para uma Assembleia Geral extraordinária que acontecerá na próxima quinta-feira (24) a partir das 18h na Sede do clube, localizada na Rua José Francisco Barbosa, bairro Novo.


Durante a assembleia, serão discutidos os planos para a regularização dos sócios acima citados e a prestação de contas da mobilização em prol da retirada da Sede Social do leilão.


22 de agosto de 2017

Em Resolução aprovada pelo Elo Nacional, REDE reafirma sua posição contra Fundo Partidário e Distritão




Em reunião no último final de semana em Brasília, o Elo Nacional da REDE aprovou a Resolução 8/17, que dispõe sobre a posição do partido em relação à reforma política em pauta no Congresso Nacional.  Segundo o texto aprovado, embora tenha potencial para avançar na qualidade da representação política no país, o fato de ser conduzida de forma apressada e por políticos que, claramente, legislam em causa própria, a Reforma Política em curso corre o risco de manter o status quo na política brasileira.

Assim, a REDE reafirma sua posição contra a criação do super fundo partidário, de R$ 3,6 Bi que, distribuído principalmente para os partidos que elegeram parlamentares com dinheiro de corrupção na campanha de 2014, como o PMDB, PT, PSDB e PP. A REDE também se posiciona contra o distritão, pois considera que, nesse sistema, só terão espaço nos partidos os candidatos com expressão eleitoral já consolidada, engessando a possibilidade de renovação e de surgimento de novas lideranças, em especial da juventude.



Zona Rural da Capital da Moda recebe Pedalada dos Pais



Um grupo de amigos da pacata Vila do Pará, distrito de Santa Cruz do Capibaribe, vem movimentando a cena local com eventos esportivos e culturais. Intitulados de “AMIGOS”, moradores da vila e da sede do município realizam desde 2015, campeonatos, festas e outros eventos.

Na manhã do último domingo (20), aconteceu a I Pedalada do Dia dos Pais da Vila do Pará. O passeio ciclístico reuniu crianças e adultos, e contou com sorteio de brindes e pedalada pelas ruas do distrito.


O vereador situacionista Ronaldo Pacas (PR), membro e incentivador do grupo desde sua formação, esteve no evento e falou sobre a iniciativa. ‘‘É gratificante ver o esforço desse grupo surtindo efeito e a comunidade desfrutando de tudo. Parabéns ao diretor da escola local, professor Cleonildo, ao amigo Paulo Duda e ao suplente de conselheiro tutelar Rogério Felix pela brilhante condução da festa’’ disse o vereador.

A comunidade participou de forma efetiva. Foram mais de 100 ciclistas realizando o percurso, que foi encerrado com uma feijoada para celebrar o dia dos pais e confraternizar a comunidade local.



OUTROS EVENTOS

O grupo já realizou a Festa do Dia das Mães, Campeonatos de Dominó, Festa de Natal e já planeja as próximas ações. Segundo o popular Paulo Duda, ‘‘a pedalada é apenas mais um evento dos Amigos, não vai parar por aqui muito mais está por vir. A ideia é sempre poder movimentar a comunidade e promover ações culturais e esportivas. Reunir os amigos para confraternizar é a meta’’, disse.


Assessoria de Imprensa do Vereador Ronaldo Pacas


Serviço Odontológico será ampliado na Unidade Básica de Saúde no centro em Santa Cruz do Capibaribe



A Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe através da Secretaria de Saúde irá oferecer, a partir desta semana, ampliação do serviço odontológico no Posto de Saúde do Centro, localizado na Avenida Padre Zuzinha, 267, próximo à Prefeitura Municipal.

Serão três dias por semana com atendimento à população, tendo como público alvo crianças e adultos desse bairro. Em média, 12 pessoas vão ser atendidas por dia, podendo usufruir de serviços como restauração, limpeza, raspagem, extrações simples, entre outros.

Cada vez mais a Prefeitura através da Secretaria de Saúde visa expandir o serviço odontológico para os bairros da cidade para atingir cada vez mais um maior número de habitantes. “Estamos trabalhando para que as áreas descobertas possam receber esse serviço. Aos poucos a ampliação será realizada para que a população tenha um acesso mais facilitado”, comentou  Rafaela Abrantes, coordenadora de saúde bucal do município.

De acordo com Rafaela, uma saúde bucal equilibrada permite uma melhor qualidade de vida, seja para crianças ou adultos. Sendo importante o acompanhamento constante com o dentista, deixando claro que a prevenção é sempre a melhor forma de cuidar da saúde bucal.

Outra questão importante é o acompanhamento odontológico por pacientes com problemas sistêmicos de saúde como hipertensão e diabetes. Estes cuidados e prevenções devem ser realizados de forma constante.
Além do Centro, as unidades básicas de saúde localizadas nos bairros Cohab, Cruz Alta, Pará, Poço Fundo, Santa Tereza, Santo Agostinho e Palestina também oferecem à população atendimento odontológico.



21 de agosto de 2017

Vereador Zé Minhoca faz visita para conferir a pavimentação da Via de acesso para São domingos.



O Vereador José Bezerra da Costa (Zé Minhoca-PSDB) apresentou, na Câmara de Vereadores no último mês de Janeiro, o Requerimento nº 321/2017, solicitando ao Prefeito Edson Vieira, o calçamento da Rua Maria Fernandes de Moura, no Bairro Cruz Alta. 

A Rua Maria Fernandes de Moura, tem uma grande importância no contexto da Mobilidade Urbana, pois é a principal via de acesso ao Distrito de São Domingos, para quem está no Loteamento Rio Verde, e todo seu entorno.

Todos os dias, centenas de pessoas fazem esse movimento pendular entre Santa Cruz do Capibaribe e São Domingos, pois, moram de um lado e trabalham do outro, portanto, fazem esse percurso no mínimo três vezes no dia.

Sendo assim, a pavimentação da via em questão vai melhorar a vida dos transeuntes, e principalmente, a vida dos moradores da Rua, que deixarão de conviver com a poeira e a lama.

“Estamos felizes em ver mais um dos nossos Requerimentos sendo atendidos, e o calçamento desta Rua é um primeiro passo, pois sabemos da importância dessa ligação com o Distrito de São Domingos para nossa população”, disse o Vereador Zé Minhoca.


O Vereador Zé Minhoca, também é autor de outro Requerimento endereçado ao Deputado Estadual Diogo Moraes (PSB) e ao Ministro das Cidades, Bruno Araújo, solicitando a construção de uma nova Ponte sobre o Rio Capibaribe, lingando São Domingos à Santa Cruz do Capibaribe, justamente pela Rua Maria Vieira de Araújo.


Informações da Assessoria.

20 de agosto de 2017

Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe apoia III Expogana

 
  
A Prefeitura Municipal de Santa Cruz do Capibaribe apoiou a realização da III Expogana, realizada no sítio Magana, Zona Rural do município. O evento que começou na quinta-feira (17) e seguiu até este domingo (20).

Representando o prefeito Edson Vieira (PSDB), o vice-prefeito Dida de Nan (PSB) acompanhado dos vereadores Dr. Nanau (PSDB), Caetano Motos (PROS) e Nailson Ramos (PMDB) e do secretário de Desenvolvimento Econômico e Agricultura, Isaac Aragão, prestigiaram os agricultores que exibiam seus animais.

Durante o evento, o vice-prefeito acompanhou as ordenhas realizadas no local que apresentou os animais que foram campeões na quantidade de produção de leite. Concorreram mais de 18 animais nas categorias bovinos e caprinos. A exposição de bovinos foi a novidade desta edição.


Ao todo, 26 agricultores participaram da desta edição, e um dos organizadores do evento, Joás Cardoso, comentou sobre o sucesso do evento. “O nosso foco principal em relação a essa festa, é mostrarmos a capacidade da produção de leite da caprinocultura, é um trabalho que requer muito carinho para você se dedicar a criar uma cabra leiteira, para ela chegar e te dá o retorno produzindo bem para que possamos ter o produto final (que é o leite) e termos a oportunidade de apresentar a nossa produção em eventos desse tipo”, frisou.

O secretário de Desenvolvimento Econômico e Agricultura, Isaac Aragão, também prestigiou o evento e falou da sua experiência em participar pelo primeiro ano, como secretário da pasta que tem ligação com os agricultores.


“Eu fiquei surpreso porque não imaginava que esse evento fosse desse tamanho, e fico feliz porque são eventos como esse que vem proporcionar o desenvolvimento da região e do nosso município, bem como destacar o trabalho da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Agricultura em apoiar os agricultores que residem na zona rural para permanecerem nos seus lugares de origem enfrentando as dificuldades e conseguindo sobreviver através da produção de seus animais”, pontuou.

O vice-prefeito Dida de Nan falou sobre sua passagem pelo evento e reafirmou o compromisso da Prefeitura Municipal em ajudar eventos semelhantes.


“É muito bom, pois se trata de um evento grande e importante para o Sítio Magana e para o município, é onde se tem a oportunidade de apresentar os animais e vê o quanto são bem cuidados, dá muito prazer em ver a qualidade dos animais e toda a produção deles. É um movimento bom para a região e eu espero que eventos dessa natureza possam ocorrer em outras vilas, pois nós poderemos ajudar já que tudo no evento traz renda, são produtores, vendedores de comidas e bares que funcionam. Nós temos a consciência tranquila de que fizemos a nossa parte, os organizadores nos procuraram e Edson (Prefeito) sempre deixou claro a sua intenção em ajudar, já que se trata de algo que vem movimentar a economia de Santa Cruz do Capibaribe e o poder público se faz necessário estar presente”, disse.

A programação da expogana contou com torneios de baleadeiras, pega de bode, ordenhas, leilão e shows grátis com artistas regionais. Toda a estrutura foi montada no Estádio de futebol Nogueirão. O evento ainda teve avaliação dos reprodutores e entrega da premiação aos agricultores que venceram as competições com seus animais.




18 de agosto de 2017

Central de Feiras e Mercados ganha praça pública em Santa Cruz do Capibaribe

  


A prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe, através da Secretaria de Desenvolvimento Urbano, em conjunto com a Câmara de Vereadores, iniciou na última semana a construção de uma praça em frente a Central de Feiras e Mercados, José Amaro Xavier (Zezinho da Farinha).

A edificação deste equipamento público está sendo custeado com recursos próprios do município. A obra tem previsão de término até o final do mês de agosto. Esta será a décima nona praça construída pela atual administração e prestará homenagem ao comerciante Jordão Felix Silva.

Gilson Julião, secretário de desenvolvimento urbano, falou da utilidade da praça para Central de Feiras e Mercados. “Mais um bom equipamento público sendo construído para o povo. A praça terá importante papel, além de ser um bom local de lazer, tornará a Central de Feiras mais agradável a população, atrairá novos clientes e fortalecerá o comércio local”, frisou o secretário.

“Essa praça é uma benção, uma grande benfeitoria para a cidade, principalmente para gente que trabalha aqui na Central de Feiras e Mercados”, disse a agricultura, Solange Araújo.

O vendedor de bolachas e salgados, Inácio Edésio, explicou a importância da praça para comerciantes da Central de Feiras. “Uma importante obra, pois neste período de chuva a frente da Central de Feira ficava com muita lama, dificultava a passagem do pessoal que vem nos comprar, já no período de calor, a poeiras cobria as nossas mercadorias”, contou o vendedor.

“Por iniciativa nossa, o nome de Jordão Felix da Silva foi escolhido para aquela praça, um dos comerciantes mais ilustres que Santa Cruz do Capibaribe já teve, possuía uma mercearia na esquina da Caixa Econômica. Um homem humilde, inteligente, dedicado a Deus e a família, por isso acredito que estamos fazendo uma justa homenagem”, destacou o presidente da Câmara  de Vereadores, Zé Minhoca.

A Central de Feiras e Mercados Zezinho da Farinha, foi inaugurada em 29 de Dezembro de 2015, recebeu investimentos na ordem de R$ 770 mil, convênio da prefeitura com o governo do estado através do programa FEM (Fundo Estadual de Apoio ao Desenvolvimento Municipal). O ambiente de comércio informal reúne 940 bancas de frutas e verduras, 40 boxes de cereais, 45 quiosque de lanche e 52 tarimbas de carne no açougue público.

Universidade Estadual da Paraíba inicia construção de estação piloto para tratamento de água


A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) deu início a um projeto ousado que representará mais um passo em direção à boa prestação de serviço à sociedade paraibana, bem como a confirmação de sua capacidade de inovação e desenvolvimento. Foram iniciadas as obras para a construção da estação piloto de tratamento de água (ETA) que terá como objetivo desenvolver pesquisas voltadas à análise sobre a qualidade da água da região da Borborema. A iniciativa é fruto de uma parceria institucional entre a UEPB e a Fundação Nacional de Saúde (Funasa).

A construção da ETA é a segunda parte do projeto que foi iniciado há quase dois anos e que vem sendo desenvolvido a partir de estudos voltados à qualidade da água nas estações de tratamento existentes nas cidades de Esperança, Areia, Bananeiras, Lagoa Nova, Ingá, Itatuba e Campina Grande. A partir da consolidação desse novo espaço serão realizados estudos para o desenvolvimento de técnicas de tratamento de baixo custo para remover microrganismos patogênicos que são persistentes ao tratamento convencional.


“A estação piloto de tratamento de água tem a função de avaliar a qualidade da água. Então teremos o tratamento convencional que consiste com a coagulação, floculação, decantação e filtração, mas, dependendo do resultado dessa avaliação, quanto menor for essa qualidade maior vai ser a questão do tratamento. A partir dessas análises definiremos quais serão as técnicas de tratamento mais adequadas em função da qualidade da água”, explicou Weruska Brasleiro, professora do Departamento de Engenharia Sanitária e Ambiental da UEPB, apontando a diferença que essa averiguação poderá determinar ao final das análises.

“Hoje temos concepções de tratamento em função da vazão da água. Agora a gente quer mostrar que a qualidade é quem define essa função. Vamos implementar vários tipos de técnicas de tratamento e, dependendo dos resultados, vamos definir qual a técnica de melhor custo-benefício para atender aos padrões de qualidade”, acrescentou Weruska.

Ao todo, R$ 600 mil estão sendo investidos nesse projeto. O recurso vem sendo aplicado desde as análises das águas nas ETAs citadas anteriormente. A contrapartida da UEPB está fixada em um valor de R$ 20 mil, aplicados diretamente na construção da estação que ficará localizada ao lado do Centro de Ciências e Tecnologia (CCT), no Câmpus de Bodocongó. A continuidade desse projeto foi proposta pela Funasa, uma vez que, segundo a professora Weruska, o espaço terá condições de oferecer um serviço que até então é inédito nas regiões do Norte e Nordeste brasileiro.

“Hoje as nossas águas superficiais estão mais comprometidas devido ao lançamento de muitos efluentes industriais que têm uma toxidade muito grande, devido aos esgotos domésticos que não são tratados na maioria das cidades. Então, isso compromete a qualidade da água, já que o tratamento convencional não é mais suficiente. Esse estudo financiado pela Funasa é pioneiro, porque vai poder definir quais técnicas são mais adequadas para termos um tratamento mais eficaz”, disse.

Obras serão concluídas até o final do ano


Com as primeiras atividades já em desenvolvimento no canteiro de obras, o cronograma de serviço aponta para que até o final do mês de dezembro a estação de tratamento de água (ETA) da UEPB já deve estar em funcionamento. Segundo explicou o professor Willian de Paiva, engenheiro civil responsável pelo projeto, a parte que demanda maior tempo é a de fundação e preparação da base, uma vez que a estrutura do local será montada a partir da sustentação de materiais metálicos e em fibra de carbono.

Ele afirmou que a ETA terá dois tanques de armazenamento de 10 mil litros cada um, além de uma plataforma de concreto, escada e laboratório, em uma área total de 180 metros quadrados. “Temos oito homens trabalhando nessa preparação de base e também para a montagem da estação. A fundação é o que demanda mais tempo, uma vez que quando todo o espaço estiver pronto, traremos os equipamentos para o laboratório e faremos a montagem dos tanques que são confeccionados em fibra de carbono”, disse o professor, acrescentando a participação na obra da arquiteta Luína Alves Marinho e do mestre de obras Anilson Batista Araújo.


A consolidação desse projeto oferecerá, além de um padrão de potabilidade para qualquer empresa que se disponha em analisar a água, também a prestação do serviço de avaliação de protozoários existentes na água. Medidas que possibilitarão que toda água averiguada pela estação de tratamento tenha condições de ser consumida dentro das atividades realizadas no Câmpus de Campina Grande.

“Vamos produzir uma água que atenda aos padrões de potabilidade e essa água vai atender as atividades feitas no nosso Câmpus. A ideia do reitor Rangel Junior é aproveitar essa água para o consumo, uma vez que estaremos produzindo algo de excelente qualidade”, destacou a professora Weruska Brasileiro.

Texto e fotos: Givaldo Cavalcanti
Informações: http://www.uepb.edu.br/



Sesc Ler Buíque promove manhã de saúde para homens neste sábado (19/8)


Ação, em parceria com a Secretaria de Saúde do Município, vai oferecer exames gratuitos para o público masculino

O Sesc Ler Buíque realiza neste sábado (19/8), em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde, a campanha Saúde do Homem. A ação vai oferecer testes de Hepatite B, Sífilis e HIV. Também serão distribuídos preservativos e o público vai receber orientações sobre saúde reprodutiva. O Grupo de Brincantes Boi Maracatu vai fazer um trabalho de mobilização na feira livre e pelas ruas da cidade, chamando os homens para participar da iniciativa.

As atividades da campanha Saúde do Homem começam às 7h30 e se estendem até as 12h e serão realizadas na estrutura montada na Praça Major França, no Centro de Buíque. Todos os atendimentos serão gratuitos. Os homens que quiserem participar desta campanha devem levar o Cartão do SUS.

Este evento leva em consideração as diretrizes da Política Nacional de Atenção Integral da Saúde do Homem instituída pela Portaria nº 1.944/GM, do Ministério da Saúde, de 27 de agosto de 2009, que tem como objetivo promover a melhoria das condições de saúde da população masculina adulta brasileira com idades entre 20 e 59 anos. Nela, são trabalhados cinco eixos temáticos que incluem a saúde sexual e reprodutiva de homens e as doenças prevalentes na população masculina.


Serviço

Campanha Saúde dos Homens do Sesc Ler Buíque e da Secretaria de Saúde de Buíque

Data: 19 de agosto de 2017
Local: Praça Major França, no Centro de Buíque
Horário: das 7h30 às 12h
Atendimentos gratuitos


Postagens mais antigas → Página inicial
Oficial © Blog do Nilson Pereira | Desenvolvido por Agreg Comunicação