.

sexta-feira, 22 de março de 2019

Seis projetos são aprovados na Câmara de Vereadores de Santa Cruz



Entre as matérias aprovadas está o projeto que prevê a criação de políticas públicas de valorização à mulher e combate ao machismo nas escolas.

Na Sessão Plenária desta quinta-feira (21), a Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe discutiu e aprovou matérias importantes para o município. 17 projetos foram discutidos pelos vereadores, destes, 06 já estão aprovados pela Casa Dr. José Vieira de Araújo e seguem para sanção do Poder Executivo.

De autoria do vereador Deomedes Brito (PT), o Projeto de Lei 140/2018 dispõe sobre a obrigatoriedade da carteira de vacinação para matrícula de alunos na rede pública municipal de ensino. De acordo com Deomedes, a iniciativa diminuirá a possibilidade de epidemias no âmbito escolar e garantirá o aumento no número de crianças com as vacinas em dias.

"Esse projeto incentiva a apresentação da carteira de vacinação. Temos muitas doenças voltando para o país e não podemos deixar isso seguir acontecendo. A apresentação da carteira é importante para ter o controle da saúde das crianças", disse o vereador.

Também foi aprovado o Projeto de Lei 163/2018, de autoria do vereador Augusto Maia (Podemos). O projeto estabelece diretrizes para ações voltadas para valorização à mulher e de combate ao machismo nas escolas municipais. Para o vereador, o tema precisa ser discutido nas escolas para que seja refletido em toda a sociedade.

"Esse projeto pede uma integração maior do Poder Executivo para que se possa haver debates, trazer para escolas e fazer todo esse diálogo com os alunos. Nas escolas estão o nosso futuro e a gente precisa tornar essa igualdade entre homens e mulheres mais presente", ressaltou o autor.

Na mesma Sessão Plenária também foram aprovados os projetos:


Projeto de Lei 173/2018 - Cria a Medalha Bruno Rafael e Júlio César - Destaques do Ano no Motocross, em Santa Cruz do Capibaribe. Autor: Marlos da Cohab (Podemos);

Projeto de Lei 178/2018 - Dispõe sobre a garantia de matrícula de irmãos na mesma unidade escolar da rede pública municipal, quando disponíveis os níveis educacionais adequados. Autor: Carlinhos da Cohab (PTB);

Projeto de Lei 193/2018 - Dispõe sobre o registro do tipo sanguíneo e Fator RH nos cadastros escolares. Autor: Carlinhos da Cohab;

Projeto de Lei 201/2018 - Institui o Dia Municipal do Capoeirista, a ser comemorado no dia 3 de agosto. Autor: Carlinhos da Cohab.


Nenhum comentário:

Postar um comentário