.

sábado, 25 de maio de 2019

Rachou!


No início de janeiro deste ano, o grupo de oposição ao governo municipal formou dois blocos de vereadores, numa estratégia onde os lideres de cada bloco tivessem mais tempo de tribuna e sobre tudo o controle das principais comissões do legislativo municipal. O que de inicio surtiu efeito, tanto é, que a situação também se rendeu a estratégia dos opositores e também se dividiram em dois blocos.

Passado apenas cinco meses da formação dos blocos opositores, o vereador Ernesto Maia (PT), anunciou em seu discurso durante a 16ª Sessão Ordinária que, a partir de agora não existirá mais os dois blocos, mas, de agora em diante a oposição seguirá com apenas um bloco, que será composto pelos partidos (PT, PSB, PR, Podemos, PTB), e será liderado pelo próprio Ernesto Maia, o qual deixou claro, que o vereador Joab Gomes (PSD), está fora desse bloco.  

O reagrupamento da oposição em apenas um bloco pegou alguns de surpresa, mas, para muitos, esta ação só deixou a mostra o desgaste interno que o grupo oposicionista vem passando, tendo em vista que muitos querem um lugar ao “sol”. 

Ou o sol está ameno (frio), ou tem gente fazendo sombra, e a tão propagada “União Taboquinha” está longe de acontecer. O racha é visível só não ver quem não quer!


Por: Nilson Pereira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário