.

quarta-feira, 18 de dezembro de 2019

DEZEMBRO LARANJA: Vamos prevenir o Câncer de Pele



UPAE Garanhuns se integra à campanha nacional da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Você já deve estar acostumado com campanhas na área de saúde que envolvem meses e cores. As mais conhecidas são o Outubro Rosa e o Novembro Azul. Agora vamos conhecer o Dezembro Laranja, que busca alertar a população sobre a prevenção do Câncer de Pele - o tipo de câncer mais frequente no Brasil correspondendo a cerca de 30% de todos os tumores malignos registrados no país. É mais comum em pessoas acima de 40 anos, porém, com a constante exposição de jovens aos raios solares, a média de idade dos pacientes vem diminuindo.

Campanha da Sociedade Brasileira de Dermatologia, alerta: um sinal pode ser câncer de pele

Com a intenção de estimular a população na prevenção e no diagnóstico ao câncer da pele, em 2014 a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) deu início ao movimento de combate ao câncer da pele batizado "Dezembro Laranja".  A UPAE Garanhuns se integra à campanha nacional através do atendimento diário a pacientes de 21 municípios da V Regional de Saúde, e oferecendo quatro médicos especialistas em dermatologia: Dra. Dialla Tâmara, Dr. Silvino Duarte, Dr. Grace Anne Monteiro e Dra. Sandra Kelm. Além das consultas ambulatoriais, a UPAE Garanhuns ainda oferece exames laboratoriais e cirurgias na área de dermatologia.

Sobre o câncer da pele

Este tipo de câncer é provocado pelo crescimento anormal das células que compõem a pele. Existem diferentes tipos de câncer da pele que podem se manifestar de formas distintas, sendo os mais comuns denominados carcinoma basocelular e carcinoma espinocelular – chamados de câncer não melanoma – e que apresentam altos percentuais de cura se diagnosticados e tratados precocemente. Um terceiro tipo, o melanoma, apesar de não ser o mais incidente, é o mais agressivo devido à sua alta possibilidade de provocar metástase (disseminação do câncer para outros órgãos). Quando descoberta no início, a doença tem mais de 90% de chance de cura.

De forma prática, dermatologistas indicam que ao observar sinais disformes, que doam ou incomodem, feridas que não saram, ou qualquer dúvida sobre sua pele, procure um médico para, quem sabe, diagnosticar câncer de pele nos primeiros estágios de desenvolvimento e iniciar tratamento com mais chance de cura.

Medidas fotoprotetoras

As recomendações básicas da SBD incluem a adoção de medidas fotoprotetoras, como evitar os horários de maior incidência solar (das 9h às 15h); utilizar chapéus de abas largas, óculos de sol com proteção UV e roupas que cubram boa parte do corpo; procurar locais de sombra, bem como manter uma boa hidratação corporal. A sociedade médica também orienta para o uso diário de protetor solar com fator de proteção de no mínimo 30 (incluindo o uso de filtro solar próprio para os lábios), que deve ser reaplicado a intervalos de duas a três horas, ou após longos períodos de imersão na água.

Conheça a Campanha Nacional de Prevenção ao Câncer da Pele. 


Para saber mais:
UPAE Prof. Antônio Simão dos Santos Figueira
Rodovia BR 423 km 96,8 - Magano - Garanhuns - PE
Coordenação Geral: Dr. Gustavo Amorim
Fone: (87) 3764.9000


Nenhum comentário:

Postar um comentário