.

terça-feira, 24 de março de 2020

Nutes UEPB desenvolve protetor facial para doação a profissionais de saúde no combate à Covid-19



O Núcleo de Tecnologias e Estratégicas em Saúde (Nutes) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) desenvolveu em laboratório um protetor facial que está sendo produzido para a distribuição gratuita aos profissionais da área de saúde que trabalham em hospitais diretamente com pacientes que apresentam sintomas da Covid-19. A iniciativa do Laboratório de Tecnologia 3D (LT3D)  tem o objetivo de colaborar com os órgãos de saúde neste momento em que todo o mundo está na luta contra o novo coronavírus.

O protetor facial, desenvolvido pelo engenheiro Rodolfo Castelo Branco, coordenador técnico, e Yasmine Martins, coordenadora do LT3D, deve ser usado para a proteção das máscaras, principalmente a N95. “Com esse protetor, os profissionais de saúde poderão usar as máscaras N95 por mais tempo na luta contra a Covid-19, pois vai funcionar como um protetor destas máscaras, que já começam a faltar no mercado”, destacou Yasmyne.


O protetor facial será distribuído aos profissionais dos hospitais que preencheram cadastro junto ao Nutes. Entre as informações solicitadas está o número de profissionais de saúde da UTI que lidam diretamente com pacientes acometidos pela Covid-19.

Esta é mais uma iniciativa do Nutes UEPB para colaborar com os profissionais da saúde na luta contra a Covid-19. Semana passada, o Laboratório de Computação Biomédica desenvolveu, em caráter de urgência, uma plataforma de monitoramento remoto para gerenciar os estudos epidemiológicos do novo coronavírus na Paraíba. A solução permite o acesso, em tempo real, à evolução dos casos e a partir desses dados, disponibilizados por meio do acesso remoto, o infectologista pode acompanhar a evolução do quadro de um maior número de pacientes.


Texto: Leonardo Alves

Nenhum comentário:

Postar um comentário