.

segunda-feira, 13 de julho de 2020

Edson Vieira anuncia reabertura de Templos e Igrejas em Santa Cruz do Capibaribe a partir de segunda-feira (13)


 

O prefeito de Santa Cruz do Capibaribe Edson Vieira anunciou na manhã do sábado (11), em reunião na sede da Prefeitura com a presença de líderes religiosos, a reabertura gradual dos templos e igrejas do município, a partir da próxima segunda-feira (13).

De acordo com o prefeito, essa reabertura acontece devido o acompanhamento que a gestão vem tendo através da Secretaria de Saúde de todos os casos notificados e confirmados pelo município, bem como pela quantidade de ocupação no Hospital de Campanha, que atualmente está com 11 pacientes com sintomas leves e moderados.

A reabertura também atende a um pedido dos próprios fiéis e líderes religiosos, que sentem a necessidade de transmitir mensagens de conforto e acalmar a população em meio a pandemia do Novo Coronavírus (Covid-19).

“Essa medida é uma decisão baseada nos dados que temos acompanhado através da Secretaria de Saúde e com muita responsabilidade chegamos à conclusão de reabrir as igrejas, reforçamos o cumprimento das exigências sanitárias para que possamos sair disso o mais rápido possível e sem maiores percas”, falou Edson Vieira.

Neste primeiro momento, as igrejas devem obedecer a algumas exigências sanitárias, como não ultrapassar 30% da capacidade total, o uso de máscaras e álcool em gel nas entradas e saídas dos templos religiosos e manter o distanciamento entre os fiéis de pelo menos um metro e meio.

Sempre que possível, as portas de entrada devem ser distintas das de saídas, havendo sinalização de sentido único a modo de evitar que as pessoas se cruzem no interior das igrejas.

Ainda ficou acordado um intervalo entre às celebrações para que todo trabalho de higienização das cadeiras e bancos individualizados seja realizado de forma eficaz. Os fiéis devem também manter distanciamento e evitar aperto de mão, abraços ou qualquer outro contato físico que caracterize risco de contágio.


Nenhum comentário:

Postar um comentário