.

sexta-feira, 16 de abril de 2021

A vida, em primeiro lugar!

 

Foto: Jairo Gomes.

 


Depois de mais de 350.000 (trezentas e cinquenta) mil mortes, e com a angústia apavorante de não haver, cientificamente, previsão segura, de quantos terão suas vidas ceifadas durante e depois dessa pandemia, uma coisa é absolutamente certa e necessária: a vacinação em massa de todos os brasileiros e brasileiras.


No entanto, em várias regiões do nosso País, apesar da demora do Governo Federal em reconhecer que a única maneira de conter essa pandemia, era aceitar as recomendações das autoridades de saúde, copiando as eficazes medidas tomadas por todas as Nações ao redor do mundo, repito: apesar  da demora, estamos dando um passo importante para livrar o Brasil dessa verdadeira desgraça,  pois  a maioria da nossa população, da faixa etária acima dos 60 (sessenta) anos, acaba de receber a segunda dose, sendo da CoronaVac/Butantã ou da Oxford/AstraZeneca, ambas também utilizadas na Europa e nos Estados Unidos.


E, enquanto o País inteiro não estiver completamente imunizado, continue fazendo a sua parte, com ações bem simples: Evite aglomerações! Fique em casa! Só saia, quando necessário e se sair, use máscara!


Estou fazendo a minha parte. Bom final de semana, para todos!


Por Zé Minhoca.


Nenhum comentário:

Postar um comentário