.

domingo, 16 de maio de 2021

NOTA DE PESAR

 

O PSDB perdeu uma de suas mais promissoras e brilhantes lideranças: o prefeito Bruno Covas. Depois de lutar bravamente, ele nos deixou neste dia 16. Jovem, mas com a bela história de alguém que muito construiu e muito ensinou. Deixa conosco o exemplo do trabalho pelo bem comum, do esforço para transformar e melhorar, da defesa inequívoca da democracia, da liberdade e do respeito. Deixa também a certeza de que “é possível fazer política sem ódio, fazer política falando a verdade”. 

 

Bruno pode ser definido pela coragem, pela alegria, pela juventude, pela dedicação e, claro, pelo sobrenome. Era neto de Mário Covas e, assim como o avô, jamais se omitiu, deixou-se abater ou desistiu diante das dificuldades. Também como o avô, nos fará uma enorme falta. 

 

Bruno Covas nasceu na política e dela nunca se distanciou. Foi presidente da nossa Juventude, deputado estadual ainda com 26 anos e Secretário de Meio Ambiente. Deputado federal eleito em 2014,  reforçou a nossa bancada na Câmara num momento extremamente importante e delicado para o Brasil.

 

Ser prefeito de São Paulo, dizia ele, foi o maior desafio de sua vida. Mas foi também onde mais se viu seu firme propósito de garantir uma vida melhor para todos os cidadãos. Bruno Covas pôs o coração a serviço dos paulistanos. Novas escolas, novas creches, hospitais, moradia. A São Paulo de Bruno Covas é sustentável, inclusiva, conectada e solidária.

 

Ele nos deixa cedo, mas nos deixa muito. É e sempre será sinônimo de realização.

 

Nós, companheiros tucanos, abraçamos o filho Tomás, seu inseparável companheiro de todos os momentos; os pais Renata e Pedro, e toda a família Covas. Neste dia triste, há, em cada canto deste país, muitos de nós lembrando e agradecendo a imensa alegria chamada Bruno Covas.

 

Bruno Araújo - presidente nacional do PSDB.




Nenhum comentário:

Postar um comentário