.

sexta-feira, 1 de outubro de 2021

Mais de 300 alunos são alcançados pela primeira edição do projeto Você Não Está Sozinho




A iniciativa prestou ainda acolhimento individual aos alunos que solicitaram escuta ativa



Disposto a discutir a valorização da vida entre os jovens do Ensino Médio, através de atividades de enfrentamento às principais causas que levam ao suicídio, como a depressão e a ansiedade, o projeto Você Não Está Sozinho alcançou mais de 300 alunos ao longo dessa primeira edição. A palestra de encerramento foi ministrada na tarde da última quinta-feira (30) para os alunos do anexo da Escola Dr. Adilson Bezerra de Souza, instalado na Unidade Prisional de Santa Cruz do Capibaribe, agreste de Pernambuco.



Desenvolvido pelo líder da bancada Mudança e Trabalho, vereador Emanoel Ramos (PSD), o projeto percorreu seis escolas e os dois anexos, que compõem a rede estadual de ensino no município, tendo como principal método de interação o espaço para leitura de relatos e de resposta aos questionamentos dos alunos. “Esse debate precisa sair de setembro e se estender aos 365 dias do ano, crianças, jovens, adultos e idosos merecem que o poder público ofereça esse suporte e eu, como legislador, vou continuar trabalhando para que tenhamos um serviço de saúde mental mais abrangente,” contou o legislador.



Paralelo às atividades desenvolvidas com as turmas, a iniciativa prestou ainda acolhimento individual aos alunos que solicitaram escuta ativa ou foram indicados pela direção da escola devido ao seu histórico depressivo. Já na Unidade Prisional, respeitando os protocolos de convivência com a Covid-19 e de segurança interna, os palestrantes ressaltaram a oportunidade de recomeçar, independentemente do que tenha acontecido no passado, a importância de exercitar a mente diante da privação de liberdade, dentre outros assuntos apresentado pelos próprios apenados.


 
O projeto contou com a participação voluntária do empresário Allan Carneiro, da vereadora Nega, dos psicólogos Núbia Lima, Yasmina Souza, Natalina Ferreira e Raí Ramos; dos educadores físicos Emerson Procópio, Kélvin Windembergue e Gerson Leite; e da psicanalista e assistente social Renata Alves. “A nossa missão de discutir saúde mental não termina aqui, seja através de outras iniciativas sociais ou de projetos de leis, proposto por nossa bancada de vereadores, vamos continuar zelando pela vida e pelo bem-estar da população,” pontua Allan Carneiro.




CENTRO DE VALORIZAÇÃO DA VIDA



Através do número 188, o Centro de Valorização da Vida realiza apoio emocional e prevenção do suicídio, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo por telefone, e-mail e chat 24 horas todos os dias do ano. 

 


Fotos: Antonio Carlos, Patrício Lima e Josenido / Seres

 



Um comentário: